Agendamento Seguro Desemprego 2019 – Agendar, saaweb.mte.gov.br

O Governo Federal vem apresentando diversas facilidades de acesso para os seus principais programais sociais, como o agendamento seguro desemprego 2019. A medida só veio para beneficiar e oferecer mais agilidade para quem irá precisar do atendimento e também para revolucionar diferentes problemas.

E desde 2015, o agendar seguro desemprego, já era um processo feito via internet, como também diferentes serviços que o www.mte.gov.br, já disponibiliza também em seu próprio site, como homologação da rescisão do contrato de trabalho e também a própria emissão da carteira de trabalho.

E hoje vamos falar como pode ser feito o seu agendamento do seguro desemprego, confira!

Quem tem direito ao seguro desemprego?

Para efetuar o agendamento do seguro desemprego, existem alguns requisitos que viabilizem o processo, são eles:

AGENDAMENTO SEGURO DESEMPREGO 2019


01. Ter recebido pelo menos 18 salários, consecutivos ou não nos últimos 24 meses, imediatamente anteriores à data da sua dispensa.


02. Ter trabalho ao menos 18 meses, consecutivos ou não, nos 36 meses imediatamente anteriores à data da sua dispensa.


03. Para empregados que irão solicitar o seguro desemprego pela segunda vez, os requisitos sofrem pequenas alterações: Ter recebido 12 salários consecutivos ou não, nos últimos 16 meses anteriores à data da sua dispensa.


04. Ter trabalhado 12 meses, consecutivos ou não, nos últimos 36 meses anteriores à data da sua demissão.


Agendamento Seguro Desemprego 2019

Diversas pessoas ainda ficam confusas quando o assunto é o agendamento do seguro desemprego, e principalmente, referente ao valor que terá direito de receber, em casos de demissões sem justa causa. Como já citado acima, desde março de 2015, o agendamento, já pode ser realizado pelas empresas, via internet.

Os antigos formulários, já extintos, foram substituídos por uma plataforma digital, viabilizando o agendamento seguro desemprego 2019. E definitivamente o MTE conseguiu aprimorar a qualidade da prestação de seus serviços, tanto para as empresas como para os beneficiários do seguro desemprego.

O método garante total segurança na comunicação de dados, agilizando ainda mais o processo, gerando ainda uma integração no sistema, o que evita possíveis fraudes ou informações duplicadas.

Facilita também a consulta seguro desemprego e a emissão de relatórios, que necessitavam ser mais detalhados, são efetuados em bem menos tempo. E o agendamento existe para que o empregado possa entrar na lista de beneficiários e somente depois disso, que poderá ir até um dos pontos de atendimento especifico para o saque do benefício.

Como agendar seguro desemprego

É muito simples. Os cidadãos, que irão efetuar o agendamento seguro desemprego 2019, devem acessar o aplicativo, que foi criado pelo próprio Ministério do Trabalho. Mas antes é necessário acessar o site SAA MTE GOV BR.

Veja agora mesmo como realizar o seu agendar seguro desemprego de maneira rápida e fácil:

AGENDAMENTO SEGURO DESEMPREGO 2019


Passo 01. Acesse www.saaweb.mte.gov.br. Aguarde o carregamento da página.


Passo 02. Selecione o seu estado e respectivamente o seu município.


Passo 03. Em seguida selecione o tipo de atendimento (Entrada no Seguro Desemprego).


Passo 04. Digite o código de segurança e clique em Prosseguir.


Passo 05. O sistema irá te encaminha para o endereço do posto de atendimento disponível na cidade.


Passo 06. Em seguida clique no calendário para escolher a data.


Passo 07. Por fim, preencha seus dados e confirme seu agendamento seguro desemprego.


Como pode ter percebido, o processo ficou ainda mais fácil e ágil de ser acessado. Se houver algum problema é só aguardar alguns minutos e refazer o processo.

Reagendar Seguro Desemprego

Se por algum acaso houve algum imprevisto e você não conseguiu comparecer na data marcada para dar entrada no seguro, não se preocupe. O MTE SAA também disponibilizar uma página para que você faça o reagendamento em poucos minutos.

Confira o passo a passo abaixo:

AGENDAMENTO SEGURO DESEMPREGO 2019


Passo 01. Acesse a página saaweb.mte.gov.br/inter/saa/pages/agendamento/reagendar.seam?conversationPropagation=none


Passo 02. Nos campos posteriores preencha com CPF/CNPJ/CEI e Nome Completo.


Passo 03. Digite o código de segurança mostrado acima.


Passo 04. Para finalizar clique em Consultar, logo após você será encaminhado para realizar o mesmo processo do primeiro agendamento.


SAA.MTE.GOV.BR

Os serviços apresentados pelo Ministério do Trabalho e Emprego são ordenados em parceria ao Sistema de Agendamento Agendado, que pode ser acessado através do site saa.mte.gov.br. Neste site o cidadão poderá agendar, reagendar ou até mesmo cancelar seu agendamento do Seguro desemprego.

AGENDAMENTO SEGURO DESEMPREGO 2019

Além disso também é possível agendar muitos serviços por meio do SAA MTE GOV BR, evitando que o cidadão fique em longas filas em postos de atendimento.

Confira:

  • Atualização de Carteira de Trabalho;
  • Baixa de CTPS;
  • Emissão de Carteira de Trabalho Brasileiro;
  • Emissão de Carteira de Trabalho Estrangeiro;
  • Empregador Web;
  • Entrada no Seguro Desemprego;
  • Entrada no Seguro Desemprego por Ata Judicial;
  • Entrega de CTPS;
  • Entrega do Registro Profissional e de Contratante;
  • Homologação de Recisão de Contrato de Trabalho
  • Informações Abono Salarial;
  • Informações CAGED para o Trabalhador;
  • Informações RAIS para o Trabalhador;
  • Orientação Trabalhista;
  • Recurso Seguro Desemprego;
  • Recurso Seguro Desemprego por Ata Judicial;
  • Solicitação de Registro de Contratante;
  • Solicitação de Registro Profissional.

Parcelas Seguro Desemprego 2019

Se você é um dos interessados em saber mais e dar entrada ao beneficio, esse é, sem dúvidas, mais um tópico que requer atenção. Mas antes de começarmos a explicar detalhadamente como as parcelas do seguro desemprego são divididas e estabelecidas, é importante lembramos de também ficar atento ao agendamento do benefício.

Prazo: Todos os trabalhadores que estavam cumprindo um contrato em atividades formais têm um prazo que corre de sete a 120 dias para dar entrada no seguro desemprego. Já os trabalhadores que realizavam atividades domésticas possuem um prazo menor para dar entrada que é, no máximo de 90 dias.

Agendamento: Com a finalidade de facilitar a vida do cidadão e também de agilizar o processo de solicitação de entrada no beneficio, o agendamento pode ser realizado pela internet, você pode solicitar o seu agendamento no portal do Poupatempo da sua cidade ou no site Emprega Brasil, do próprio Ministério do Trabalho. A partir do momento em que você faz o requerimento online, já começa a contar o prazo de trinta dias para receber o benefício.

Bom, agora vamos iniciar a nossa conversa falando sobre os detalhes das parcelas do seguro desemprego. A quantidade de parcelas que você vai receber depende de um fator importante, além do tempo de serviço: Quantas vezes você já fez uso do benefício. Se for a primeira, a segunda ou a terceira, todas elas possuem condições diferentes.

Primeira vez

Supondo que essa é a primeira vez que você recebe o valor do seguro-desemprego, pode ter acesso a quatro ou cinco parcelas do beneficio. Quatro parcelas se você comprovar atividade de um a dois anos no máximo, cinco se for comprovado o vínculo empregatício de mais de dois anos de atividade formal.

Segunda vez

Caso essa seja a sua segunda vez, então você encontrará três condições: A primeira é a comprovação de nove a onze meses de trabalho, que te dá garantia de três parcelas. A segunda é, para receber quatro ou cinco parcelas, os termos são os mesmos do que na primeira vez da entrada do seguro. E a última condição é que é preciso comprovar atividade remunerada mais do que dois anos, para receber as cinco parcelas.

Terceira vez

Se você está para dar entrada pela terceira vez, também não há grandes mudanças não, o processo é bem simples: Recebe os três meses de benefício se for comprovado o vínculo de seis a onze meses. Mais uma vez, não há alterações nos outros termos.


Gostou do nosso conteúdo sobre o agendamento seguro desemprego 2019? Esperamos que todas as suas dúvidas tenham sido sanadas, mas caso ainda persista é só deixar um comentário abaixo que responderemos assim que possível!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *